Alemanha aprova lei que garante mesmo salário para homens e mulheres

Levantamento apontou que diferença salarial bruta chega a ser de 21% no país


Internacional - 11/01/2017
   O governo da Alemanha aprovou nesta quarta-feira (11), uma lei que busca garantir que homens e mulheres recebam os mesmos salários em trabalhos semelhantes.
   Segundo a nova lei, funcionários de empresas com 200 ou mais empregados terão o direito de receber informações sobre os critérios que determinam seus salários. A medida pretende garantir que a determinação salarial não seja uma caixa preta e facilite que os trabalhadores possam acionar empresas que não pagam salários justos.
    Empresas com mais de 500 funcionários estarão obrigadas a reportar regularmente os esforços para igualar os salários entre os gêneros.
    Na Alemanha, o salário bruto das mulheres é 21% menor em comparação ao dos homens. Em cargos equivalentes, nos quais elas e eles têm as mesmas qualificações, a remuneração para a mulher é 7% menor que a de um homem.

 

[Fonte:   Valor Economico On-Line]
Clique aqui para comentar
Para comentar, você deve estar conectado à uma dessas contas:



Comentários
Os comentários não representam a opinião do Grupo Redesul. A responsabilidade é do autor da mensagem.